Lattes Carlos Paiva

ARTIGOS PUBLICADOS

  • 1996 - Kalecki um anti-keynesiano?

    Já se disse inúmeras vezes - e sempre com muita razão - que Kalecki é um ator de difícil aceitação, incorporação e difusão teórica. Demasiado analítico e formalismo para aqueles economistas que - de uma forma ou de outra - adotam uma perspectiva institucionalista (enraizando-a seja no materialismo histórico, seja no culturalismo neokantiano), Kalecki é, ao mesmo tempo, insuficientemente "rigoroso" (leia-se insuficientemente "equilibrista") para agradar ao paladar dos economistas mais ortodoxos. E como se isso não bastasse, ele ainda carrega o fardo de parecer keynesiano demais para os marxistas, quase um ortodoxo (com seu viés empirista e realista, manifesto no apego à econometria) para os keynesianos, e um perfeito marxista para os neoclássicos.,

    Download Baixar Arquivos

    COMPARTILHE!

» Receba Novidades
NOME:
E-MAIL:
» Participação na Mídia

Esta sessão está sendo atualizada. Convido você a visitar todas as páginas do site para conhecer meu trabalho. Há muita informação de alta relevância e interesse.
Fique à vontade!

CONTATE-ME
E-mail: carlosanpaiva@gmail.com

Visitantes: 150719 | Páginas Visitadas: 228766
Todos os direitos reservados para Dr. Carlos Águedo Paiva © 2021 | Este site foi desenvolvido por: www.sitesrs.com.br